O que pode tornar bom um dia que começa mal?

Todos nós, miúdos ou graúdos, já tivemos dias em que tudo parece correr mal e pensamos «mais valia nem ter saído da cama!». O protagonista desta história da editora Nuvem de Letras está a viver um desses dias, e o seu mau humor vai crescendo, pois tudo lhe parece estar contra ele. Mas será mesmo assim?
O álbum “O melhor mau dia de sempre” vem cheio de humor e doçura, com ilustrações ternurentas e é perfeito para melhorar o dia de crianças que se sentem tristes, rabugentas, incompreendidas. Às vezes, só precisamos de alguém que sinta o mesmo que nós, para que, juntos, voltemos a sorrir.

O livro é da autoria de Marianna Coppo, com tradução de Lara Xavier e chega às livrarias esta semana.

Sinopse:
Hoje é um dia mau para o Bruno: está nublado, a água do banho de espuma está gelada, não há pepitas de chocolate suficientes nas bolachas e todas as pessoas com quem se cruza estão felizes. Na escola, ninguém o entende. Até que o Leo aparece…
E, de repente, as coisas começam a ficar muito melhores.
Uma história enternecedora e cheia de humor sobre… o mau humor!

Mais histórias
Há 50 Tesouros para procurar no Jardim Gulbenkian